12 de janeiro de 2013

OS ÚLTIMOS DIAS DE 2012...

EPs virtuais, entrevistas e festivais foram os maiores destaques da segunda metade de 2012

Por João Messias Jr.

Amigos!

Seguem nas próximas linhas a segunda e última parte da retrospectiva de 2012.

Kamala
Divulgação
Começo com as entrevistas, onde os destaques foram o editor da Extreme Brutal Death, Cássio Antestor nos conta da cena cristã e sobre o novo formato da revista, que deixou de ser impressa e passou ao formato virtual e gratuito, que pode ser baixada no portal da revista.

O quarteto Kamala, conhecido por trazer muitas experimentações no seu Thrash, apostou num "plus" para elevar ainda mais o trabalho apresentado no álbum The Seven Deadly Chakras. A capa do CD foi estampada pela atriz de filmes adultos, Bruna Vieira, que com seu belo corpo e diversas tatuagens, no mínimo fará que as pessoas descubram a banda.

Dimitri Brandi, guitarrista e vocalista do Psychotic Eyes foi outro que figurou por aqui, nos contando o porquê do novo trabalho "I Only Smile Behind the Mask" ter sido lançado apenas no formato virtual e como foi ter o trabalho produzido por JF Dagenais (Kataklysm).

O duo Tehilim Celtic Rock foi outro grupo que concebeu seu quarto CD neste formato. Além da nova forma de lançamento de Back to the New, o álbum marca mudanças no som, que recebeu mais contornos Hard e do Praise (louvor).

EPs virtuais

Continuando com a parte do download, alguns lançamentos neste formato foram resenhados aqui, com destaque para o som cheio de groove do UnblackPulse, a mescla de metal e eletrônico do Instincted, o metal diferenciado do Tier (que tem tudo para atingir o mainstream) e a rifferama thrash do Chaosfear.

A oportunidade de conhecer novas bandas

Bill Hudson (Vital Remains)
Foto: João Messias Jr.
Por mais que a internet esteja aí para facilitar o conhecimento e quebrar certas barreiras, não há melhor forma de se conhecer novas bandas por meio dos shows. 

São Bernardo recebeu no mês de aniversário da cidade três dias destinados a festivais gratuitos, onde cada dia foi agraciado com apresentações de um estilo. Claro que um dia foi destinado ao Metal, que além das consagradas Necromancia, Ação Direta e Seven7'h Seal, apresentou grupos como Woslom, Forka, entre outros.

A primeira edição do Live Metal Fest foi outro destaque, pois mesmo sendo realizado num dia em que haviam apresentações de grupos como Black Label Society, Creed e Arch Enemy, contou com um bom público, que saiu satisfeito com as apresentações das bandas Kyhary, Against Tolerance, Screams of Hate, Command6 e Trayce.

Os últimos dias de 2012 receberam algumas apresentações de destaque, como a vinda do grupo Ill Niño, que mostrou que o New Metal possui bons representantes, além de nos brindar com apresentações de grupos como Skin Culture e The Silence (essa, composta por membros e ex-membros do Paura e Dead Fish), que tem um som pesado e ao mesmo tempo experimental.

Para encerrar, merece créditos a apresentação do Krisiun, que contou com os grupos gringos Vital Remains, Malevolent Creation e Eutanos, além dos brazucas do Anonymous Hate. Realmente o trio gaúcho é motivo de orgulho para os bangers brasileiros, pois além de serem os headliners do evento, mostraram o porquê de serem considerados os maiores nomes da música extrema no mundo.

Nos próximos dias aguardem as primeiras matérias inéditas deste ano.

Nenhum comentário: