28 de abril de 2013

MORDY REX E IMPERIA: ROCK AND ROLL E POSITIVIDADE

“Grupos mostram que é possível fazer rock and roll passando bem estar em suas letras sem cairem no discurso religioso”

Por João Messias Jr. 

Reviver
Divulgação
Muitos adolescentes quando entram de cabeça no mundo do rock and roll, pensam que a rebeldia do estilo fica destinada as bebedeiras, roupas surradas e letras negativas. Mas os mais espertos logo caem na realidade que a verdadeira “ira” é poder fazer algo mais pelo estilo.

E nessa “busca”, temos os que escrevem matérias, fotografam e tocam, mas neste último é onde aparecem os poetas das futuras gerações. Por meio de suas letras, inspiram futuros livros, protestos e movimentos. Felizmente hoje, temos grupos que tem na mente que é possível colocar peso e distorção no seu som e passar algo de bom com suas canções, como é o caso dos dois grupos que irei comentar hoje: Mordy Rex e Impéria.

Vamos começar falando do Mordy Rex, que embora tenha um nome que divide opiniões (por soar engraçadinho), apresenta um rock variado que possui influências de bandas como Black Sabbath, Soundgarden, Golpe de Estado e o rock nacional dos anos 80.

O quarteto formado por Alan Amorim (voz/guitarra), Paulo Gianotti (guitarra), Flávio Carvalho (baixo) e Roger Alves (bateria) aposta em seu primeiro EP, chamado Reviver, num rock and roll puro e simples. Mas apesar da receita citada há pouco, a banda se destaca por alguns aspectos fundamentais: riffs ganchudos, um vocalista talentoso e claro, as letras, que te levantam.

Um dos exemplos está na faixa-título, que conta sobre uma pessoa que perde tudo e se levanta para encarar o que vem depois. Outro destaque é Estar com Você, que sem soar piegas, mostra como é bom dividir seu tempo com alguém que te faça sorrir.

A embalagem é muito criativa, num formato digipack, bem simples, mostrando que é possível criar bons produtos sem gastar tanto.

Em Dias Assim
Divulgação
Embora praticante do rock and roll, o Impéria, formado por  Marcio Deliberalli (voz), Felippe Deliberalli (guitarra),Ricardo Ueno (baixo),  Flavius Deliberalli (bateria) possui uma sonoridade bem diferente, pois possui uma sonoridade mais pesada e encorpada, com solos virtuosos e muitas mudanças de andamento.

Os maiores destaques do CD são a semi-balada O  Povo do Caos, os bons riffs de Em Dias Assim, a pesada Alta Voltagem, a acústica Dias de Paz. Só que o melhor ficou para o fim: as versões elétrica e acústica para Eu Sou o Que Eu Sou, ambas com um resultado muito bom e agradável aos ouvidos nos dois formatos. Não posso deixar de citar a excelente produção, feita por Fernando Magalhães.

Apesar de terem de acertar alguns detalhes no vocal, a banda mostra que pode ser uma alternativa para os fãs de rock não radicais, pois suas canções são fortes, tem apelo e o principal: tem algo a dizer. Como alguns  da faixa Alta Voltagem: “Deixo o mundo da ilusão/Para me Conectar/Falo das forças do Coração/Ouço a Verdade e a Emoção/Sinto uma Nova Pulsação/Que faz o Coração Chegar.

Dois trabalhos que contradizem toda a imagem “malvada” do rock and roll e provam que é possível SIM transmitir positividade e seguir o coração, sem cairem no panfletarismo.

Parabéns Mordy Rex e Impéria!

3 comentários:

Diego Visachi disse...

Muito bom Messias, acho que você capturou muito bem a essência dessas bandas. Como muitos sabem a Mordy Rex é uma banda a qual eu criei uma grande amizade e nós do Rock My Life apoiamos muito.
Quero deixar registrado aqui um abraço pra esses "meninos" que fazem um rock alegre e pra cima e um abraço a você Messias que faz um trabalho excepcional com o New Horizons Zine.
Um abraço da equipe do Rock My Life (www.rockmylife.com.br)

flavio mordy rex disse...

Pessoas como o João e Diego ,a galera que nos apoia nos shows fazem tudo valer muito apena.
adorei a resenha agradeço em nome da banda Mordy rex!!!!
quem quiser baixar o cd segue o link

www.palcomp3.com.br/mordyrexbanda

Felippe disse...

Muito obrigado pelo espaço, isso é de grande importância para o nosso trabalho.
E ficamos felizes em ver que você captou bem o espírito do disco!
Abração

download gratuitoo do Em Dias Assim: www.bandaimperia.com/downloads/edas.rar